Geek

Chandrayaan-2 capta novas e detalhadas imagens da superfície da Lua; As imagens são as melhores feitas até os dias de hoje

Escrito por Paulo Carmino

As imagens mais nítidas da Lua já feitas

As imagens, que foram divulgadas pela agência espacial indiana, a ISRO, foram captadas no dia 5 de setembro. A ISRO informa que as imagens mostram parte da cratera chamada Boguslawsky E, a qual possui cerca de 14 km de diâmetro e 3 km de profundidade. Além disso, vale ressaltar que a região fotografada está localizada mais ao sul da Lua, ficando próxima ao polo sul lunar. Essa região tem tido uma grande relevância para os cientistas pela existência de água nos polos da lua e uma possível existência de vida microscópica nessa região.

Foto: ISRO – Observe a riqueza de detalhes que a imagem traz. Nunca foi feita uma imagem dessa natureza com tantos detalhes assim

As imagens foram captadas a uma altitude de 100 quilômetros da superfície lunar por meio de uma cãmera orbital com resolução espacial de apenas 25 centímetros. Isso possibilitou o ganho de detalhes nas imagens. Mesmo que a sonda norteamericana LRO tenha uma câmera semelhante, a qualidade desta não se compara à qualidade da câmera da Chandrayaan-2 .

Essas imagens são essenciais para que os cientistas possam alcançar um dos principais objetivos da missão que é o de mapear a superfície da Lua com uma vasta riqueza de detalhes. Isso pode contribuir para que sejam desenvolvidos mapas 3D.

Sobre o Autor

Paulo Carmino