PET

Tutora mata cão acidentalmente de tanto brincar na água

Escrito por Escobar Dog

Nós já falamos aqui que tirar um tempo para brincar com seu animal é essencial para que ele seja um pet mais feliz, saudável e que ele tenha uma conexão ainda maior com você. Porém, é preciso ficar atendo aos tipos de brincadeira e aos sinais que o cão apresenta durante a atividade, para que a coisa não tenha um efeito contrário ao que se deseja.

Uma tutora brincou tanto com seu cachorrinho na água que, sem imaginar que isso poderia acontecer, acabou causando a morte do animal.

Cãozinho participou de um passeio em família e pôde brincar em um lago pela primeira vez. (Foto: Reprodução / Metro UK / Caters)

Em uma tarde de festa com a família, Jen Walsh, de 42 anos, resolveu brincar com seu cachorro Hanz, um Schnauzer de dois anos de idade, no lago. Ela ficava jogando gravetos para o cão buscar na água, uma brincadeira muito comum.

Porém, eles fizeram isso por muito tempo. Segundo Jen, o cão deve ter ido buscar gravetos na água por cerca de 20 vezes. O cachorro entrou em colapso e acabou falecendo.

O que aconteceu foi que o animal teve uma hiponatremia, condição que ocorre quando o nível de sódio no sangue está muito baixo e que provocou danos fatais no cérebro do cão.

Esses níveis ficaram baixos por conta da quantidade de água que o animal engoliu involuntariamente a cada vez que pegava o graveto e nadava de volta com a boca aberta no lago.

Apesar de ter ficado com o coração despedaçado, a tutora fez uma publicação em seu perfil no Facebook contando o triste acontecimento. De acordo com ela, sua intenção era informar as pessoas dos riscos que brincar de “buscar” na água podem trazer para o animal.

“Hanz adorava ‘buscar’, e eu não tinha ideia de que jogar graveto para o cão poderia ser um risco. Nós jogamos gravetos e bolas de tênis para ele o tempo todo. Quando percebi que isso causou a morte dele, fiquei completamente horrorizada. Eu simplesmente pensei: ‘Por que ninguém me falou sobre isso?’”, contou a tutora.

O cachorro acabou bebendo muita água durante a brincadeira e teve uma queda do nível de sódio no seu sangue. (Foto: Reprodução / Metro UK / Caters)

Segundo Jen, o cão estava muito bem brincando e em um curto espaço de 20 minutos algo já parecia estar errado e em uma hora ele já estava morto, porém ninguém sabia o que tinha acontecido. “Nós não tínhamos ideia de que os cachorros podem acabar engolindo muita água enquanto brincam de buscar o graveto na água e de que isso pode fazer muito mal”, disse Jen.

A tutora contou ainda que ela e seu marido estão se sentindo muito culpados por terem colocado seu animal em risco sem nem saber. De acordo com ela, eles acreditavam que estavam fazendo bem ao animal ao colocá-lo para se exercitar na água.

De acordo com Jen, depois de muito brincar o cão de repente ficou apático, mole e ficou parecendo como se estivesse bêbado. Então, ele foi imediatamente levado para uma clínica veterinária, onde os médicos informaram que não havia nada que pudessem fazer, pois o cérebro já tinha sido afetado.

Jen espera que a triste morte de seu cachorro sirva de alerta para que os tutores tenham mais cuidado e atenção ao levarem seus animais para brincar na água.

Fonte: Metro UK


Notícias sobre Pets

Sobre o Autor

Escobar Dog