Negócios

Supermercado britânico reaproveita alimentos para gerar sua própria energia

Os resíduos usados na produção de energia serão dos alimentos descartados pela própria rede de supermercados.

Uma das maiores redes de supermercado do Reino Unido tem investido em energia limpa para abastecer suas lojas. O primeiro teste será feito na unidade de West Midlands, Inglaterra, e a eletricidade usada no estabelecimento será proveniente da biomassa.

Os resíduos usados na produção de energia serão dos alimentos descartados pela própria rede de supermercados. Para tornar a ideia possível, a rede Sainsbury conta com a tecnologia desenvolvida pela Biffa, empresa especializada na geração de energia.

A expectativa é de que o sistema, que funciona a partir da digestão anaeróbica dos alimentos, produza eletricidade suficiente para abastecer 2.500 residências por ano. Isso também é o bastante para suprir integralmente as necessidades da loja, conforme informado pelo jornal local The Guardian. O supermercado se preocupa em coletar os resíduos, a empresa de energia os transforma em eletricidade e menos gases de efeito estufa são liberados na atmosfera.

A Sainsbury garante que serão usados apenas aqueles alimentos que realmente estão fora de condições de consumo. A empresa é comprometida com doações para um bando de alimentos, que ajuda pessoas carentes, e também ajuda a manter uma cadeia de produção de ração animal. Quando os alimentos não podem ser aproveitados em nenhuma dessas situações, aí sim é transformado em energia limpa.  

Redação CicloVivo