Meio Ambiente

Prefeitura de Salvador monitora árvores e planeja novos plantios

Além de prover estatísticas sobre a quantidade de árvores e espécies, a iniciativa permitirá o maior controle e cuidado com a preservação.

O Plano de Arborização, realizado pela Prefeitura de Salvador, foi divulgado nesta semana e inclui o georreferenciamento de todas as árvores da cidade. Além de prover estatísticas sobre a quantidade de árvores e espécies, a iniciativa permitirá o maior controle e cuidado com a preservação.

A ação integra um conjunto de metas para que a capital baiana seja mais sustentável, que tem como uma de suas metas o plantio de 30 mil novas mudas até o final deste ano. O objetivo é ainda maior para um futuro próximo. De acordo com o cronograma do projeto Verde Perto, a cidade deverá ter, ao menos, cem mil novas árvores nativas da Mata Atlântica até o final de 2016.


Foto: David Ludugério/Flickr

Conforme informado pela prefeitura local, o plantio será feito com o apoio de associações, comunidades, ONGs e também de empresas privadas, que são obrigadas a recompor áreas verdes em consequência de construções na cidade. O diretor de Áreas Verdes, Parques e Jardins da Secretária Municipal Cidade Sustentável, Uelber Reis, também garantiu que todas as mudas serão plantadas em regiões adequadas, sob estudo prévio, e terão todo o seu desenvolvimento acompanhado.

O último censo realizado em Salvador, feito em 2006, cadastrou 94,5 mil árvores. A atualização dessas informações deve nortear novas políticas públicas e projetos ambientais para a capital da Bahia. 

Redação CicloVivo