PET

Por que os cachorros gostam de lamber o ar?

O seu cachorrinho é daqueles que gostam de lamber o ar? Ele faz isso rapidamente ou você já percebeu ele lambendo o ar por horas? Sim, é extremamente importante observar essas coisas, pois o animal pode estar com esse comportamento por várias causas diferentes, inclusive problemas graves de saúde.

Existem várias razões pelas quais o seu cão pode estar lambendo o ar e problemas de saúde são algumas delas. Transtorno compulsivo, dor de dente, náuseas, desconforto gastrointestinal, convulsões e disfunção cognitiva canina são algumas das causas que podem estar fazendo o seu cão lamber o ar.

Preste sempre atenção no ato de lamber o ar do seu cão. (Foto: Reprodução / The Spruce)

Quando o ato é feito de forma compulsiva, por horas seguidas, o caso pode ser mais grave. Porém, ao perceber esse tipo de comportamento no cão, o ideal é procurar um médico veterinário para que ele possa examinar o animal e dar um diagnóstico certo.

Para que o veterinário chegue ao diagnóstico de forma mais rápida e certeira, você vai precisar ajudá-lo dando várias informações sobre o animal e o seu comportamento de lamber o ar, como quando começou a perceber esse ato, quanto tempo faz que ele começou a lamber o ar, por quanto tempo o animal fica lambendo o ar, se ele lambe o ar em alguma situação ou local específico e como o cachorro fica após um tempo lambendo o ar.

Quando feito de forma compulsiva, o ato pode indicar problemas de saúde. (Foto: Reprodução / Cuteness)

Além disso, filmar o cachorro enquanto ele está tendo esse comportamento também pode ajudar bastante. Se for possível, filme o cão quando você não estiver por perto, para ver se o comportamento ocorre também quando ele está sozinho. Alguns cachorros apresentam comportamentos repetitivos apenas em torno dos seres humanos, pois esses comportamentos se tornaram respostas condicionadas.

Também é importante informar ao veterinário informações da vida do seu cachorro, como se ele faz exercícios e por quanto tempo, se ele tem algum tipo de estímulo físico e mental, se você dá algum tipo de treinamento para o animal ou punição e a interação que o cão tem com humanos e outros animais.

O ideal é levar o animal ao veterinário para ter um diagnóstico correto. (Foto: Reprodução / The Dogington Post)

Caso tenha alguma novidade na casa onde o cão vive, como uma pessoa nova, um bebê, se algum morador se mudou ou faleceu ou se tem alguém doente também é importante, pois o comportamento pode indicar também ansiedade ou até entediado.

Quanto mais rápido você levar o animal para o veterinário, mais rápido você terá um diagnóstico e, caso precise, o cão começará o tratamento indicado.

Fonte: Vetstreet


Notícias sobre Pets