PET

‘Orgia’ de aranhas cobre praia grega com teias que se estendem por 300 metros – Extra

Escrito por Escobar Dog

ATENAS — Uma tranquila praia em Aitoliko, no delta do Rio Acheloos, na costa oeste da Grécia, se transformou num cenário de pesadelo para os que sofrem de aracnofobia. A vegetação costeira foi totalmente coberta por teias, que se estendem por cerca de 300 metros. Um vídeo publicado no YouTube pelo fotógrafo Giannis Giannakopoulos registrou o fenômeno que, apesar de assustador, não ameaça a saúde humana.

Em entrevista à imprensa local, Maria Chatzaki, professora do Departamento de Biologia Molecular e Genética na Universidade Demócrito da Trácia, explicou que a teia gigante foi construída por aranhas de uma espécie do gênero tetragnatha. O fenômeno, disse a especialista, é sazonal, que acontece anualmente entre o fim do verão e o início do outono no Hemisfério Norte.

— Essas aranhas não são perigosas para humanos e não causarão qualquer dano — disse Maria.

Contudo, ressaltou que a dimensão da teia se deve a um fator específico deste ano. Com o calor atípico, a população de mosquitos se multiplicou, e eles servem de alimentos para esta espécie de aranha. Sob a teia, elas estão construindo ninhos e se reproduzindo, com fartura de alimentos, algo como uma orgia.

— Existe um grande número de machos e fêmeas cruzando. Obviamente, isso resulta de condições favoráveis que possibilitaram esta superpopulação — afirmou a especialista. — As aranhas estão tirando vantagem dessas condições e fazendo um tipo de festa. Elas cruzam, se reproduzem e fornecem uma nova geração. Elas terão a festa e morrerão.

A última vez que as condições permitiram o fenômeno com tal magnitude na região foi em 2003.

Fonte: Extra.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Clube dos Animais.


Notícias sobre Pets

Sobre o Autor

Escobar Dog