PET

O que fazer se seu gato para de comer

Escrito por Escobar Dog

Costuma-se brincar que os gatos são muito exigentes quando se trata de escolher o que comem. No entanto, se seu gato para de comer, pode haver problemas que podem afetar seriamente sua saúde. Como proprietário, é essencial que você aprenda a distinguir se seu animal de estimação precisa de algum tipo de tratamento ou não e, assim, evitar as consequências negativas para a vida de seu bichano.

Por que seu gato para de comer?

Se você acha que esse comportamento incomum pode estar relacionado às causas expostas na lista a seguir, você pode agir o mais rápido possível e evitar que a saúde do seu animal seja comprometida.

  • Possível doença. Uma perda de apetite geralmente é uma resposta corporal a um patógeno externo. Uma bactéria, um vírus ou um parasita podem estar causando uma resposta do sistema imunológico do animal.
  • Uma vacina recente pode levar a uma reação adversa em seu gato e fazer com que ele pare de comer por um tempo. Os sintomas relacionados às vacinas geralmente não duram muito e, em geral, costumam ser leves.
  • Uma viagem ou um ambiente estranho poderão confundir seu gato e alterar alguns de seus hábitos. Os gatos são animais que adoram rotinas e familiaridade, por isso não se surpreenda se algum tipo de mudança afetar seu apetite.
  • Problemas psicológicos. No caso de seu veterinário ter descartado um problema físico, talvez estejamos enfrentando um sintoma de ansiedade ou depressão. Como já mencionado, os gatos são muito sensíveis a mudanças, e podem ser afetados por situações novas ou por pessoas desconhecidas.

Também, seu gato para de comer temporariamente por uma causa menos preocupante, como uma infecção leve na boca ou uma alteração hormonal. Ele também pode estar farto do tipo de comida que você dá para ele todos os dias, porque, afinal de contas, os gatos são animais caprichosos.

As consequências da inanição em seu gato

Quando seu gato para de comer, ao descobrir a causa, o mais importante a fazer é reverter esse comportamento o mais rápido possível, para evitar que ele cause consequências à saúde de seu bichano.

Um gato que para de comer é obrigado a recorrer às reservas de gordura para obter energia. Para isso, o fígado deve processar o que já está armazenado, o que requer certas quantidades de proteínas.

Uma rápida perda de peso supõe uma pressão adicional para o fígado, que poderá causar algumas doenças, como a chamada lipidose hepática idiopática felina.

Esta doença é geralmente desenvolvida em gatos obesos, e que caem em uma anorexia a longo prazo, como resultado do estresse. Diante dessa situação, eles aumentam os ácidos graxos que chegam ao fígado e que podem alterar o funcionamento do mesmo.

gato no veterinário

O que você pode fazer para seu bichano voltar a comer?

Considerando que um período prolongado de fome pode ter consequências devastadoras para o seu gato, a primeira coisa a fazer, se você perceber que a situação não melhora, é consultar um veterinário.

Se a perda de apetite estiver relacionada a uma doença, o profissional poderá prescrever uma dieta que volte a atrair o interesse de seu gato e, assim, devolva a ele o desejo de comer. Alimentos enlatados, por exemplo, podem atrair mais do que o seu alimento habitual.

Se não estivermos enfrentando uma doença, você pode tomar algumas medidas para chamar a atenção de seu felino. Por exemplo, certos alimentos, como fígado ou atum, podem estimular seu apetite.

Você também pode recorrer a medicamentos que incentivam a ingestão de alimentos, embora você só deva recorrer a eles em casos extremos e com a prescrição de um veterinário.


Notícias sobre Pets

Sobre o Autor

Escobar Dog