Decoração & Design

Norte-americano reaproveita placas de rua em criações pós-apocalípticas

O designer norte-americano Coby Kennedy encontrou um jeito diferente de resgatar a história do famoso bairro do Brooklyn, em Nova York.

O designer norte-americano Coby Kennedy encontrou um jeito diferente de resgatar a história do famoso bairro do Brooklyn, em Nova York. Ele criou uma coleção de trabalhos que imaginam a região no futuro e entre as peças estão armas feitas com restos de placas de sinalização.


Foto: Divulgação

Em entrevista ao jornal Metro NY, Kennedy explica a origem de sua criação. O artista tem trabalhado na criação de um filme de ficção que imagina como estará o Brooklyn em 400 anos. É uma visão apocalíptica que contrasta com peças que trazem o valor histórico local.


Foto: Divulgação

“[O trabalho] é baseado em uma narrativa que reflete situações contemporâneas. Várias placas de rua são de lugares no Brooklyn que têm histórias de peso, lugares que estão perdendo essa cultura particular”, declarou.


Foto: Divulgação

Nas mãos do designer, placas de pare se transformam em escudos, nomes de ruas viram facões ou espadas, guerreiros e lâminas também figuram entre as criações. Ele garante que as placas são obtidas de maneira legal e foram reaproveitadas após perderem o uso original. A série foi chamada de “In Servie of a Villain” (A serviço do vilão), e propõe uma reflexão sobre a gentrificação ocorrida na cidade americana.


Foto: Divulgação

Redação CicloVivo