Negócios

Kabum, Microsoft e Multilaser “furam” Amazon e fazem doações à SP

Escrito por Vinnícius Lopes

Parece que a provocação da Amazon com a prefeitura de São Paulo está rendendo bem mais que o esperado – para a própria prefeitura.

Tudo começou quando a Amazon lançou um comercial para promover o seu Kindle no Brasil, criticando os muros pintados de cinza pela administração de João Dória, com a projeção de trechos de livros famosos nesses locais (assista aqui)

O prefeito de São Paulo, João Doria, não perdeu tempo e publicou em seu Facebook um vídeo em resposta à Amazon, sugerindo: “Já que a Amazon gosta tanto de São Paulo, gosta tanto do Brasil, ajude a nossa cidade. Ajude a quem precisa. Se vocês gostam realmente, doem livros para as bibliotecas, doem computadores para as escolas públicas municipais, doem aquilo que a população precisa para fazer dessa cidade, uma cidade mais feliz. A população agradece”, afirmou o prefeito. (assista aqui).

Antes da Amazon expressar qualquer resposta, ela foi “furada” pelo portal KaBum, que entrou em contato com João Doria pelo Twitter e pelo Facebook, oferecendo tablets e computadores para a rede pública de escolas paulistanas.

A Multilaser também divulgou em suas redes a doação de tablets:

Reprodução
Reprodução

Enquanto isso, Doria anunciou uma parceria com a Microsoft, que oferecerá plataformas educacionais e capacitação para alunos e professores da rede pública.

Somente na noite desta terça-feira, 28, a Amazon se manifestou com um novo vídeo, oferecendo um livro digital grátis e a doação de Kindles para instituições, sem especificar quais. Confira o post no Facebook da Amazon Brasil aqui. 

A atitude do prefeito de São Paulo, que é administrador de diversas empresas, mostrou como gerenciar uma crise e ainda tirar vantagem dela. Mais novidades devem aparecer nos próximos dias. Fiquem ligados!

 

Share Button

Sobre o Autor

Vinnícius Lopes