PET

Finalmente, a indústria de peles vai acabar

Escrito por Escobar Dog

As peles foram usadas como garantia desde o início da história humana. Mas a ganância faz com que os animais sejam maltratados até a morte, a fim de satisfazer o desejo humano de extravagância, luxo e lucros. Hoje temos boas notícias: a indústria de peles vai acabar.

A influência das peles no comércio mundial

O comércio de peles tornou-se uma importante fonte de renda em todo o mundo, emboraexistam países que se destaquem, como Rússia, China e países nórdicos: Suécia, Finlândia, Noruega e Dinamarca. Por exemplo, na China, 75 milhões de cães, raposas, martas e guaxinins são mortos com o único propósito de obter suas peles.

Muitos se justificam dizendo, como mencionamos no primeiro parágrafo, “as peles têm sido usadas desde o início da história humana”. Mas nossos ancestrais mais distantes não matavam animais, a fim de arrancar peles, muito menos os esfolavam vivos como acontece hoje.

Ou eles caçavam para comer e se aproveitavam de suas peles, ou simplesmente esperavam que o animal morresse naturalmente. Nossa ganância atingiu limites inesperados.

Os Estados Unidos, um dos países que mais praticam essa crueldade junto com a China, sacrificam cerca de sete milhões de animais por ano para satisfazer os desejos das pessoas que gostam de peles. Uma revista chamada LAIKA fez um relatório no qual garantiu que esses números chegarão a zero.

Veja também: Vestir peles de animais não é bonito

Quando entrevistada, a fotógrafa Jo-Anne Mc Arthur, afirmou: “muitas pessoas não sabem que os animais são sacrificados para fazer seus casacos de pele”.

Em uma de suas obras, com foco sobre esta questão, ela afirma ter fotografado pelo menos 25 industrias de pele na Europa e no Canadá, e cada vez que ela vê uma pessoa com um casaco de peles, diz: “Se você tivesse visto o que eu vi, não usaria esse casaco”.

Mais informações sobre a indústria de peles

A Dinamarca produz mais de 17 milhões de peles de vison por ano. É desnecessário dizer que este pequeno animal é um dos mais procurados e valorizados neste negócio. Para obter suas peles, eles criam-nos em gaiolas muito pequenas, onde eles podem se mover. Isso sem comentar o fato da morte cruel pela qual eles passam para ‘dar’ suas peles para a indústria.

Eles são retirados de seu habitat natural, onde vivem perto da água de maneira solitária, para serem amontoados em fazendas até chegarem a um ponto de loucura, em que eles brigam entre si e até se devoram.

Vison

Estes são apenas alguns fatos dessa cruel indústria de muitos países e que mostra que o dinheiro é o que parece importar mais neste mundo.

Nós poderíamos falar de fazendas, animais e o que fazem com eles, das condições insalubres em que são mantidos no cativeiro. Mas não teríamos espaço suficiente para isso, então vamos falar sobre algo melhor: a indústria de peles vai acabar.

Você sabia? O que fazer ao presenciar maus-tratos contra animais

Finalmente a indústria de peles vai acabar

Estamos vivendo em um mundo em que a crueldade não é mais algo que permitem e, portanto, muitos ativistas foram às ruas para acabar com este negócio. Essa cruel indústria de peles prepara propostas e alternativas e afirma que os animais não irão mais sofrer. Mas todos aqueles que lutam pela causa sabem com certeza que isso é impossível.

Como a pele de um animal é removida? Ou ela é arrancada enquanto ele está vivo ou ele é morto para que isso possa ser feito, como então você pode evitar o sofrimento?

Empresas renomadas, como a Giorgio Armani, já anunciaram que renunciam ao uso de peles em suas roupas, e já o fazem há dois anos. A Calvin Klein, por exemplo, já declarou há duas décadas que o uso de peles era desnecessário, e deixou de usá-las.

E assim cresce a lista de designers e grandes empresas que não dão um dólar para essa crueldade. As leis proíbem o abuso de animais e é isso que os grupos ativistas estão tentando fazer o mundo ver. Eles estão se movendo, através de meios legislativos, e tudo parece indicar que em muitas partes do mundo os juízes irão decidir em seu favor.

A Noruega deu um prazo de seis anos para que todas as fazendas de peles e negócios coligados a elas sejam fechados, e este é apenas o começo, a indústria de peles vai acabar! 


Notícias sobre Pets

Sobre o Autor

Escobar Dog