Meio Ambiente

Enciclopédia da Vida disponibiliza informações sobre diferentes seres vivos

A Enciclopédia da Vida reúne informações confiáveis sobre muitas formas de vida, obtidas a partir de recursos de todo o mundo, como museus, sociedades científicas, cientistas especializados. O conteúdo está disponível em um banco de dados on-line.

A Encyclopedia of Life (EOL) ou Enciclopédia da Vida surgiu em 2007 com a ideia ousada de oferecer "uma página para cada espécie". Hoje, a EOL reúne informações confiáveis ​​a partir de recursos em todo o mundo, tais como museus, sociedades científicas, cientistas especializados, e outros em um enorme banco de dados em um único portal on-line fácil de usar.

O conhecimento científico das muitas formas de vida na Terra – de animais, plantas, fungos, protistas e bactérias – está espalhado em livros, revistas, bases de dados, sites, coleções de espécimes, e nas mentes de pessoas em toda parte do mundo. Imagine o que significaria, se estas informações pudessem ser reunidas e disponibilizadas para qualquer lugar e em qualquer momento.

A versão 2.0 da EOL, disponível desde a última segunda-feira (5), tem 700 mil páginas de informações científicas. Foi elaborada pelo Instituto Smithsonian, de Washington, e contou com a colaboração de 176 centros de pesquisa e de cientistas do mundo todo. Os dados são todos controlados por especialistas.

A nova página tem mais informações que a primeira versão, disponível em 2008. De acordo com Erick Mata, diretor executivo da Enciclopédia da Vida, o site pretende agrupar 1.9 milhões de verbetes, um para cada espécie animal conhecida até hoje.

A enciclopédia está se expandindo para se tornar uma comunidade global de colaboradores e contribuintes servindo o público em geral, amadores entusiastas, educadores, estudantes, cientistas e até mesmo profissionais em todo o mundo.

Os usuários registrados no site são capazes de interagir com os conhecimentos encontrados ali e uns com os outros, eles também podem contribuir com informações para EOL, que serão publicadas após revisão.

O recurso está disponível tanto como um site gratuito, como um recurso incorporado a aplicativos de terceiros e desktop. Todas as informações estão disponíveis para reutilização e ele é licenciado sob a Creative Commons e outras licenças livres.

O objetivo da enciclopédia é o acesso global ao conhecimento sobre a vida na Terra. A missão dos desenvolvedores do projeto é aumentar a conscientização e compreensão da natureza viva através de uma Enciclopédia da Vida, que reúne, gera e compartilha conhecimento de forma aberta, de recurso digital, de acesso livre e confiável.

Para Mata: "Este é o melhor esforço conjunto para termos todas as espécies unidas em um mesmo site até o momento". Com informações do CRBio e EOL.

Redação CicloVivo

Siga as últimas notícias do CicloVivo no Twitter