PET

Cachorro foge e vai parar em casa de família que estava de luto por animal falecido

Escrito por Escobar Dog

Os cachorros são animais tão bondosos que são capazes de dar amor e conforto para pessoas que nem conhecem, mas que estão precisando bastante de um carinho. E o caso do cãozinho Puppy mostra bem isso.

O cachorro, um vira-lata de 12 anos de idade, conseguiu sair de casa em um momento de distração de seus tutores e deixou toda a sua família bem preocupada. Mas, parece que ele estava sentindo que alguém ali por perto estava precisando dele.

O cachorro Puppy apareceu de repente na casa de Ismenia quando ela mais precisava. (Foto: Reprodução / G1 / Carlos Dias)

Assim que percebeu o que tinha acontecido, a família ficou desesperada e logo começou a procurar pelo animal nas ruas próximas e publicar fotos do cão com pedidos de ajuda na internet.

Após algumas horas rodando pelas ruas do bairro Vila Santana, em Sorocaba, veio uma surpresa. “Perguntamos para as pessoas se tinham visto o Puppy. Depois de um tempo, uma mulher viu a corrente e perguntou se estávamos procurando um cachorro. Ela nos mostrou um cachorro e era ele”, contou Kauan Garcia, um dos tutores do cãozinho Puppy, ao G1.

Acontece que o cachorrinho acabou indo parar na casa de uma família que estava precisando bastante ser confortada. “Abri a porta e entrou como se fosse a casa dele. Eu não sabia o que fazer. Dei água e ração do meu cachorro que morreu atropelado no começo do mês. Parece que ele [Puppy] me consolou e escolheu essa casa. Foi incrível”, explicou Ismenia de Fátima Ribeiro, dona da residência.

Ismenia e sua família estavam muito triste desde a morte de seu cãozinho Pitoco, um Pinscher que viveu com eles por seis anos e faleceu no começo de janeiro ao sofrer um atropelamento.

Ela viu os tutores procurando pelo cão e mostrou onde ele estava. (Foto: Reprodução / G1 / Carlos Dias)

Por conta da dor, ninguém pensava em ter um animal de estimação novamente, porém, a presença de Puppy na casa, mesmo que por pouco tempo, ajudou a confortar e abrir o coração da família. “Foi uma dor muito grande [a morte do cão] e é tão recente que o Puppy comeu a ração do Pitoco. Meu coração está em festa e, daqui a algum tempo, vamos pensar em pegar um cachorrinho”, confessou Ismenia.

Puppy voltou para a sua família por conta de uma pessoa de bom coração que o encontrou, cuidou dele e o devolveu.

É, parece que Puppy tinha uma pequena missão e a cumpriu muito bem.

Fonte: G1


Notícias sobre Pets

Sobre o Autor

Escobar Dog