Vida Sustentável

Acupuntor já plantou mais de 2,2 milhões de árvores pelo mundo

Escrito por Forbiddeen

Alexandre Chut é um profissional formado em psicologia e acupuntura, porém é mais conhecido como “O plantador de árvores”.

Alexandre Chut é um profissional formado em psicologia e acupuntura, porém é mais conhecido como “O plantador de árvores”. Morador de São Paulo, ele se empenha e deixar as cidades mais verdes desde 1987.

Desde então, ele já plantou mais de 2,2 milhões de árvores, além de preservar 1,5 milhão de árvores em duas reservas florestais na região da Serra da Mantiqueira, localizada entre os estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. O acupuntor também promove encontros, palestras e cursos sobre gestão ambiental.

Seu trabalho já foi desenvolvido em mais de 16 países. Inclusive, convidado pela Prefeitura de Nova Iorque, ele participou da "Planting Day" no Parque Van Cortlandt, Bronx, em 2010. Na ocasião foram plantadas 20 mil árvores.

Presidente do Conselho de Administração do Instituto Plant+Ar, uma organização sem fins lucrativos, o paulistano Chut acredita que “as pessoas têm pouca memória de como era a cidade antes e como ela está agora. A cidade já foi arborizada. O objetivo é trazer o verde de volta”.

Chut começou a plantar árvores e ao longo do tempo percebeu que sua ação não era suficiente, logo passou a desenvolver um trabalho educacional com as pessoas. A partir daí, começou a investir 80% do seu tempo educando desde pessoas comuns até educadores, ONGs, políticos, inclusive, conversou com alguns prefeitos. Tudo isso para ensiná-los e estimulá-los a trazer as árvores novamente para as cidades.

O estímulo do acupuntor é saber que suas ações serão sentidas principalmente pelas futuras gerações. “Não é pra gente, são para as pessoas que ainda nem nasceram. Para que elas recebam este presente”.

No vídeo abaixo o acupuntor Alexandre Chut mostra a importância do plantio de árvores nas cidades.

No ano passado, Chut recebeu o Prêmio Cidadão Sustentável do portal Catraca Livre e da Rede Nossa São Paulo. Derrotou 800 concorrentes indicados pelos paulistanos. Este ano ele foi homenageado em Sessão Solene pela Câmara Municipal de São Paulo por sua atuação em favor do meio ambiente.

Mayra Rosa – Redação CicloVivo

Sobre o Autor

Forbiddeen