Vida Sustentável

5 dicas para deixar a rotina da sua casa mais sustentável

Mude suas atitudes, adquira novos hábitos para reduzir seu impacto no planeta.

Sustentabilidade vai além de políticas públicas, preservação do meio ambiente e tudo que está envolvido em uma esfera governamental e social. Apesar do necessário apoio das autoridades, há uma maneira mais fácil de levar o tema para o dia-a-dia: mudar as atitudes e adquirir novos hábitos nos lares, diminuindo o impacto no planeta. Abaixo, seguem cinco dicas de como é possível ajudar o meio ambiente no conforto do lar:

– Está precisando organizar os brinquedos do seu filho ou gostaria de ter puffs para receber seus amigos mais confortavelmente? Que tal criar, a custo quase zero, uma estante de nichos de caixotes de feira e puffs de garrafas pet ou pneu usado? Basta caprichar no acabamento, para que além de úteis, fiquem sofisticados. Os caixotes podem ser decorados com criatividade e os puffs podem ser forrados com tecidos de cores variadas.

– Opte por produtos de limpeza biodegradáveis, eles possuem um impacto bem menor no meio ambiente. Hoje no mercado é possível encontrar desde desinfetantes à detergentes que não possuem em sua composição agentes químicos derivados do petróleo.  Outra opção é produzir você mesma seu produto de limpeza. Uma receita simples é misturar ¼ de Bicarbonato de Sódio, 2 litros d’água e ½ xícara de vinagre e está pronto. Agora é só partir para a limpeza.

– Recicle o seu lixo. As sobras de alimentos crus, cascas de legumes, casca de ovos, verduras, borra de café, podem e devem ser tratados no espaço onde eles foram gerados, ou seja, na sua cozinha. Só na cidade de São Paulo o volume de lixo por dia é de 19 toneladas e 52% desse montante é de lixo orgânico. Todo esse resíduo vai para o aterro sanitário aumentando o volume e poluindo o meio ambiente.  Para minimizar esse impacto e ainda produzir adubo da melhor qualidade para suas plantinhas, basta construir uma composteira com três baldes sobrepostos e algumas minhocas e em 45 dias você terá húmus e biofertilizante líquido próprio para adubar suas plantas e enriquecê-las de nutrientes, sabor e saúde.

– Plante em qualquer lugar da casa que tenha no mínimo quatro horas de incidência solar e crie ali uma horta vertical. A vantagem é que ela ocupa um espaço mínimo e normalmente você irá utilizar um espaço “improdutivo” da casa: a parede. Nela você pode plantar desde temperos para incrementar seus pratos, até mesmo verduras e legumes para alimentar sua família. Adube sua hortinha com o húmus que produziu.

– Reutilize o máximo possível. Diminuir o consumo é uma das atitudes mais sustentáveis para preservar os poucos recursos naturais que ainda nos resta. Potes de sorvete, caixas de sapato, e até recipientes vazios de xampus e condicionadores podem virar artigos de grande utilidade em seu dia-a-dia.  Por exemplo: Aquela horta vertical pode ser construída com latas de leite pintas e penduradas em sua varanda.

As dicas acima são do Biomundo Permacultura, saiba mais sobre eles aqui.