Geek

WhatsApp vai realizar operações financeiras; Brasil é o primeiro a testar função

O Facebook anunciou nesta segunda-feira (15), que o WhatsApp passará a realizar operações financeiras no Brasil. O país é o primeiro no mundo a receber a novidade, que já vinha sendo especulada há bastante tempo.

Essas operações se limitam entre o envio e recebimento de dinheiro e tem como parceiros os bancos Nubank, Banco do Brasil, Sicredi e Woop Sicredi.

O recurso foi anunciado através das redes sociais do criador do Facebook, Mark Zuckerberg e também nas mídias sociais oficiais do aplicativo WhatsApp.

Como vai funcionar os pagamentos via WhatsApp

A função de pagamentos vai funcionar através do menu de “clip” disponível na barra de mensagens do aplicativo no celular, ou na barra superior acima das conversas, através do WhatsApp Web, caso o recurrso também chegue para a versão Desktop do serviço.

O usuário vai precisar cadastrar algum cartão de débito de sua operadora financeira para conseguir realizar e receber os valores.

Também serão exigidos o CPF e nome completo dos usuários que vão realizar as operações. Como medida de segurança, os bancos farão a verificação do cartão de débito através de SMS e via aplicativo para evitar fraudes.

Além disso, o uso de senha e biometria passa a ser obrigatório no aplicativo para realizar as operações financeiras.

E para WhatsApp Business?

O serviço para o WhatsApp Business vai funcionar como no aplicativo convencional. No entanto, haverá cobrança de taxas para os usuários corporativos.

Limite de transações financeiras no WhatsApp

Segundo o WhatsApp, as transações só podem ser feitas em moeda brasileira (real) e dentro do Brasil. Foi imposto um limite de R$ 1 mil por transação e R$ 5 mil por mês. Será possível fazer até 20 transações por dia.