Geek

Telltale Games demite maior parte da equipe e vai encerrar atividades

Escrito por Paulo Carmino

A Telltale Games, conhecida por inúmeros jogos baseados em filmes, quadrinhos e séries de TV, anunciou que vai encerrar suas atividades após um ano de crise. A maior parte da equipe da produtora, cerca de 250 pessoas, foi dispensada no final da semana.

Uum pequeno grupo de 25 funcionários permanecerá na produtora para cumprir as obrigações da empresa para com a diretoria e parceiros. O CEO Pete Hawley divulgou a seguinte declaração:

“Tem sido um ano incrivelmente difícil para a Telltale, pois trabalhamos para colocar a empresa em um novo curso. Infelizmente, acabou nosso tempo enquanto tentávamos chegar lá. Lançamos alguns de nossos melhores conteúdos este ano e recebemos uma quantidade tremenda de feedback positivo, mas, no final das contas, isso não se traduziu em vendas. Com o coração pesado, vemos nossos amigos saírem hoje para divulgar nossa marca de histórias em toda a indústria de jogos”.

A equipe que restou na Telltale está trabalhando no projeto Minecraft Story Mode para a Netflix. Com o fim da produtora, a temporada final de The Walking Dead não será completada.

Segundo alguns dos funcionários demitidos, muitos deles foram pegos de surpresa e estão em situação difícil por não terem benefícios e seguros a receber por conta de contratos de trabalho temporário. O fato do estúdio ser sediado na região da baia de São Francisco, na Califórnia, onde o custo de vida é um dos mais altos do mudo, fez com que muitos dos demitidos tenham que se mudar para outras cidades dos Estados Unidos imediatamente.

O Telltale Games ganhou destaque com The Walking Dead Season 1 em 2012. Desde então, tornou-se uma das produtoras mais ativas da indústria, criando jogos baseados em Batman, Guardiões da Galáxia e Minecraft. Além do projeto de Minecraft para o Netflix, o estúdio estava na metade do desenvolvimento da temporada Final de The Walking Dead, avançado na segunda temporada de The Wolf Among Us e criando um jogo baseado na série Stranger Things, também em parceria com a Netflix.

Sobre o Autor

Paulo Carmino