Geek

Square Enix antecipa lançamento de Final Fantasy VII Remake em algumas regiões

Escrito por Paulo Carmino

A Square Enix confirmou que enviou cópias físicas de Final Fantasy VII Remake antes do previsto na Europa e na Austrália, o que significa que alguns jogadores receberão o jogo mais cedo.

A decisão foi tomada como precaução contra a interrupção causada pela pandemia do COVID-19, informou a editora em comunicado nesta segunda-feira.

No início do mês, a Square Enix alertou que algumas pré-encomendas físicas de Final Fantasy VII Remake poderiam não chegar a tempo da data de lançamento do jogo em 10 de abril. Agora, a editora anunciou que decidiu enviar as unidades mais cedo, a fim de dar aos jogadores de regiões que seguem isolamento mais estrito a chance de ter o jogo em mãos um pouco mais cedo.

“Tivemos algumas decisões difíceis de tomar durante as últimas semanas antes do lançamento, devido à interrupção dos canais de distribuição causada pela disseminação do vírus da COVID-19”, disse a empresa em comunicado creditado ao diretor Tetsuya Nomura e ao produtor Yoshinori Kitase.

“Essas circunstâncias únicas tornaram muito difícil alinhar o tempo de nossos envios globais”.

“Nossa maior prioridade é que todos vocês, incluindo aqueles que vivem em países que atualmente enfrentam a maior perturbação, possam jogar o jogo no lançamento, por isso, decidimos enviá-lo muito mais cedo do que o habitual para a Europa e Austrália”.

“Como resultado, há uma chance maior de que alguns de vocês nessas regiões agora consigam uma cópia do jogo antes da data mundial de lançamento de 10 de abril.”

Em outras regiões, incluindo as Américas, as cópias serão enviadas esta semana e a Square Enix disse estar otimista de que “a maioria receberá o jogo no dia do lançamento”.

Final Fantasy VII Remake será exclusivo das plataformas PlayStation por um ano.

Sobre o Autor

Paulo Carmino