Geek

Remake de Resident Evil 3 depende da vontade dos fãs, diz Capcom

Escrito por Paulo Carmino

A Capcom revelou que está disposta a fazer o especulado remake de Resident Evil 3, desde que o público deixe bem claro que está interessado nele.

Falando ao site japonês GameWatch, o produtor Yoshiaki Hirabayashi explicou que a razão pela qual tivemos um remake de Resident Evil 2 é devido à demanda dos fãs. Como tal, se o público expor sua vontade de forma alta e clara novamente, eles considerarão refazer Resident Evil 3 também.

Além de esperar os pedidos pelos fóruns e redes sociais, a Capcom deve estar de olho na performance comercial do remake de Resident Evil 2 enquanto considera se investe em um novo remake. Neste contexto, as chances de Resident Evil 3 são boas, já que Resident Evil 2 foi aclamado pela crítica e parece estar vendendo bem. A editora japonesa revelou que 3 milhões de cópias de Resident Evil 2 foram vendidas ou enviadas às lojas desde a última sexta-feira, 25 de janeiro, o que torna o jogo um sucesso ainda maior que Resident Evil 7, que havia vendido 2,7 milhões de cópias na primeira semana.

Lançado em 1999, Resident Evil 3: Nemesis foi planejado incialmente como um spin-off, com Code: Veronica sendo a verdadeira sequência de Resident Evil 2. Mas a Capcom acabou decidindo tornar Nemesis o terceiro da série para completar a trilogia no PSOne, enquanto Code: Veronica se tornou o spin-off no Dreamcast, continuando a história de Claire Redfield no segundo jogo.

Resident Evil 2 está disponível para PC, PlayStation 4 e Xbox One.

Sobre o Autor

Paulo Carmino