Geek

Organizadora da E3 está avaliando cancelamento do evento

Escrito por Paulo Carmino

A organizadora da E3, a Entertainment Software Association (ESA), reiterou que ainda pretende realizar o evento deste ano, embora esteja avaliando a possibilidade de um cancelamento devido à preocupação com a propagação do coronavírus (COVID-19).

Na Califórnia, onde a E3 é realizada, o governo declarou estado de emergência na quarta-feira, o que dará ao estado mais recursos para se preparar para um possível surto em grande escala, após confirmada a primeira morte pelo vírus na região.

Segundo o Los Angeles Times, o COVID-19 já foi confirmado em 12 municípios da Califórnia e contagiou mais de 50 pessoas.

Em um comunicado à imprensa, a ESA diz que “continua planejando um evento seguro e bem-sucedido da E3” em junho e está “monitorando e avaliando a situação diariamente”.

“Nossa equipe e parceiros da E3 continuam a monitorar o COVID-19 por meio dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) e da Organização Mundial da Saúde (OMS). Estamos avaliando ativamente as informações mais recentes e continuaremos a desenvolver medidas para reduzir ainda mais os riscos à saúde na feira”.

“Continuaremos vigilantes, pois nossa primeira prioridade é a saúde, o bem-estar e a segurança de todos os nossos expositores e participantes”, afirmou.

“Dado o que sabemos no momento, estamos avançando a toda velocidade com o planejamento da E3 2020. As vendas de exposições e inscrições estão a caminho de um grande show em junho”.

A principal feira da indústria de games do primeiro semestre, a GDC 2020, foi cancelada na semana passada depois que muitos participantes desistiram de participar por preocupação com a disseminação do novo coronavírus.

Os participantes da E3 2020 anunciados até agora incluem a Microsoft/Xbox, Nintendo, Ubisoft, Bethesda, Sega, Capcom, Square Enix, Take-Two, Bandai Namco e Warner Bros Interactive. A Sony não participará da E3 pelo segundo ano consecutivo.

Sobre o Autor

Paulo Carmino