Mobilidade

Norte-americano cria bike aquática

Trata-se de uma bicicleta encaixada em duas balsas que utiliza a energia das pedaladas para movimentar uma hélice.

As ciclovias da Califórnia já não supriam os desejos do norte-americano Judah Schiller. Ele queria ir mais além, pedalar sobre mar. Para tornar esse desejo possível, o ciclista desenvolveu um veículo que usa energia mecânica para funcionar na água.

Por meio do BayCycle Project, ele questiona: “Numa cidade que está literalmente cercada por água, por que não abrir uma nova fronteira?”. Para Schiller, a próxima evolução em ciclismo finalmente chegou. 

A ideia do veículo alternativo é simples. Trata-se de uma bike encaixada em duas balsas que utiliza a energia das pedaladas para movimentar uma hélice. Em apenas 10 minutos, segundo informa a Exame, o veículo está pronto para uso.

Ele exemplifica que a Mountain bike começou na década de 1960 e dez anos mais tarde, as vendas de bicicletas de montanha superaram o número das bicicletas de estrada. “Eu vou fazer a mesma coisa com a bicicleta da água”, acredita Schiller. Para o ciclista, esta é uma nova forma de transporte sustentável e acessível para milhões de pessoas ao redor do mundo.

Schiller ganhou reconhecimento por ser a primeira pessoa a atravessar a Baía de São Francisco, na Califórnia, e o Rio Hudson, em Nova York pedalando. “Do deslizar em águas cristalinas para saltos nas ondas do mar, a bicicleta aquática combina alegria, aventura e benefícios para a saúde”.

No momento, o idealizador do projeto busca apoio financeiro da plataforma de financiamento coletivo Indiegogo. “Eu já chamei a atenção não apenas da mídia em todo o mundo, mas também de financiadores, designers e engenheiros”, conclui.

Veja a bike em funcionamento:

Redação CicloVivo