Geek

Nintendo ganha nova ação contra empresa que fazia Mario Kart nas ruas de Tóquio

Escrito por Paulo Carmino

Uma empresa que fazia passeios de kart pelas ruas de Tóquio, com os pilotos vestidos como personagens de Mario Kart, foi novamente condenada em uma ação movida pela Nintendo. Ela agora terá que pagar 50 milhões de ienes, ou US$ 500 mil, em indenização à Nintendo, valor cinco vezes maior que o da sentença anterior.

A empresa MARI Mobility, que opera com o nome MariCar, promovia passeios em karts com fantasias de personagens muito semelhantes aos de Mario Kart, mas sem a licença da Nintendo. A atividade é muito popular com turistas e costuma chamar a atenção de quem vê os karts passeando pelas principais ruas da capital japonesa.

Em setembro de 2018, a MariCar foi condenada a pagar 10 milhões de ienes (aproximadamente US$ 89.000) em indenizações e a cessar suas atividades. Mas a empresa optou por recorrer e continuar oferecendo os passeios, desta vez com fantasias variadas que já não eram tão parecidas com aquelas dos personagens de Mario Kart.

O processo movido pela Nintendo visa apenas a proteção da propriedade intelectual de Mario Kart e não impede que a MariCar faça os tours de kart em si.

Em seu site, a MARI Mobility escreveu: “Lamentamos que o recurso não tenha sido aprovado e continuaremos examinando o conteúdo e respondendo de acordo”. A empresa segue oferecendo os passeios de kart com fantasias genéricas.

Sobre o Autor

Paulo Carmino