Geek

Lançamento do Xbox Series X está dentro do cronograma, mas jogos são problema

Escrito por Paulo Carmino

O Xbox Series X está “no caminho certo” para ser lançado como planejado no final do ano, mas há incertezas sobre a disponibilidade dos jogos para o console, segundo o chefe do Xbox, Phil Spencer.

Falando em entrevista à CNBC, Spencer reiterou que o hardware do Xbox Series X não precisará ser adiado e está no caminho para ser lançado no final de 2020. Já a produção dos jogos tem sido mais impactada pela crise do novo coronavírus, não apenas por questões relacionados ao trabalho em home office mas também por interrupções na cadeia de distribuição.

O fechamento dos escritórios de classificação etária e das lojas físicas complicou ainda mais o processo de criação e lançamento de jogos durante a pandemia, e vários títulos importantes, como The Last of Us Part II, tiveram seus lançamentos atrasados.

“As equipes estão fazendo um bom trabalho em manter nosso hardware nos trilhos”, comentou o chefe do Xbox. “Eu diria que o maior desconhecido é provavelmente a produção do jogo, apenas sendo honesto. A produção de jogos é uma atividade de entretenimento em larga escala agora: você tem centenas de pessoas se unindo, construindo ativos [e] trabalhando com peças criativas”.

“No lado do hardware, nos sentimos bem com nossos planos e obviamente há algum impacto nos cronogramas, mas no geral, acho que estamos alinhados com o que pensávamos que estaríamos.

“No lado da produção de jogos, estamos aprendendo todos os dias. Ainda me sinto bem com isso, mas também preciso garantir que a segurança das equipes seja a coisa mais importante, e não exagerar indevidamente quando as coisas não estiverem prontas”.

A Microsoft anunciou ontem que fará uma apresentação dos jogos para o Xbox Series X em 7 de maio. Alguns desses jogos que devem acompanhar o console na janela de lançamento já são conhecidos, como Halo Infinite, Senua’s Saga: Hellblade II e Assassin’s Creed Valhalla.

A 343 Industries disse em março que, embora o desenvolvimento do Halo Infinite esteja “seguindo bem”, eles precisam “estar atentos às limitações atuais e entender que a situação do coronavírus pode piorar antes de melhorar”.

Sobre o Autor

Paulo Carmino