Tecnologia

Google leva tecnologia do Street View para a Amazônia

O Google Street View, funcionalidade do Google Maps que oferece a oportunidade de explorar digitalmente diversas cidades e lugares por meio de fotos, tem agora um novo desafio: levar imagens da Floresta Amazônica, para todo o mundo.

O Google Street View, funcionalidade do Google Maps que oferece aos usuários da web a oportunidade de explorar digitalmente diversas cidades e lugares por meio de fotos em 360°, tem agora um novo desafio: levar imagens do Rio Negro e de suas comunidades, na Floresta Amazônica, para todo o mundo. Esse projeto, conhecido como "Street View na Amazônia", será realizado em parceria com a Fundação Amazonas Sustentável (FAS), uma ONG que promove educação, apoio social, econômico e ambiental para as comunidades locais. Será uma oportunidade única de compartilhar a beleza do ambiente e da cultura local com o mundo.

A primeira fase teve início na última quarta-feira (17), com duração prevista de três semanas. As imagens do Rio Negro serão capturadas por barcos com o trike acoplado – um triciclo com câmeras. Este veículo, próprio para locais que não são acessíveis por carros, também será utilizado para mapear as comunidades da região. Uma equipe composta por funcionários do Google e da FAS em uma ação educativa capacitará moradores das comunidades para operar o trike. Orgulhosos de sua realidade, esses mesmos moradores convidaram o Google para fotografar o interior de diversos lugares das comunidades, como os centros cívicos e escolas. Depois da coleta, as imagens serão processadas e disponibilizadas aos usuários gratuitamente através do Street View.

"Esta parceria inédita com a Fundação Amazonas Sustentável vai tornar possível nosso projeto de treinar e preparar os moradores das comunidades para captar imagens da Amazônia," afirma Karin Tuxen-Bettman, líder do time de Geolocalização do Google. "Assim que todas as imagens estiverem no ar, poderemos compartilhar a cultura e a beleza de locais da Amazônia com qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo. Sem a visão, criatividade e dedicação dos nossos parceiros, esta empreitada não seria possível."

Virgílio Viana, superintendente geral da FAS, acredita que proporcionar ao mundo essa experiência de um tour interativo dentro da Floresta Amazônica, destacando as peculiaridades da vida e cultura da população local, é mais do que apenas entretenimento. “Isso assume um papel de extrema importância na conscientização sobre os desafios de conservação, desenvolvimento comunitário e sustentabilidade na Amazônia. Esperamos que esta iniciativa fomente outras parcerias que também possam unir a alta tecnologia com a sabedoria dos moradores da Floresta", afirma.

Para saber mais sobre o Street View, visite maps.google.com.br/streetview.