Geek

Fundador da Oculus VR dá lance de US$ 350 mil no Nintendo PlayStation

Escrito por Paulo Carmino

O fundador da Oculus VR, Palmer Luckey, revelou que foi dele um lance de US$ 350 mil feito no leilão do Nintendo PlayStation. A oferta era, até pouco tempo, a maior do leilão, mas já foi superada por outro lance de US$ 360 mil.

Pelo Twitter, o jovem que vendeu a Oculus ao Facebook em 2014 por mais de US$ 2 bilhões revelou ser o autor do lance e perguntou quem seriam “os malucos” que estavam competindo com ele no leilão. Até agora ninguém mais se manifestou.

Luckey, que tem um patrimônio estimado em US$ 700 milhões, afirmou que tem “a maior coleção de videogames” e acrescentou que “a realidade virtual perfeita garantirá que a experiência original continue para sempre, mas precisamos manter essas coisas vivas e funcionais enquanto isso”. Ele pretende digitalizar todos os aparelhos e peças físicas e criar modelos 3D para um projeto de preservação.

Questionado se pretendia comprar o protótipo Nintendo PlayStation para sua coleção pessoal, em vez de doar o dispositivo raro a um museu público, Luckey respondeu: “A disponibilidade pública é apenas uma questão de tempo, tenho mantido as coisas em segredo até então. Estou preservando as cópias originais nas instalações de armazenamento de videogame mais avançadas já construídas”.

O Nintendo PlayStation já é de longe o item mais raro e valioso da história dos games, com preço quase quatro vezes superior ao de uma cópia selada de Super Mario Bros. vendida por US$ 100 mil no ano passado.

Luckey foi afastado do Facebook em 2017 após assumir apoio ao então candidato presidencial Donald Trump, algo considerado inaceitável no ambiente progressista do Vale do Silício.

O protótipo do Nintendo PlayStation seria a última peça de 200 unidades fabricadas durante uma parceria fracassada da Sony com a Nintendo no início dos anos 90. O PlayStation seria uma unidade de CD para o SNES, mas a desistência da Nintendo acabou levando a Sony a entrar no mercado por conta própria.



Sobre o Autor

Paulo Carmino