PET

Família que comprou cãozinho em estrada descobre que estava cuidando de um urso

Escrito por Escobar Dog

Quem compra filhotes de criadores ilegais não têm nenhuma garantia em relação à saúde dos animais, à raça e nem mesmo em relação à espécie do animal. É o que mostra o caso de uma mulher que comprou um fofo peludinho achando se tratar de um cãozinho e dois anos depois descobriu que o animal era um urso.

O bichinho estava sendo oferecido em uma estrada e o vendedor disse que se tratava de um filhote de cachorro da raça Mastim Tibetanotambém conhecido como Mastiff Tibetano. Mesmo sem conhecer a pessoa que vendia o animal, a mulher resolveu comprar o cãozinho e levar o peludo para casa.

Animal foi vendido com um cachorro da raça Mastim Tibetano. (Foto: Reprodução / Chinanews)

O pet foi muito bem cuidado com um cachorrinho. A tutora do animal não se incomodou e nem achou tão estranho assim o fato de seu “cãozinho” não latir e nem abanar o rabo. O que ela realmente estranhou foi o enorme apetite que seu bichinho tinha.

Foi só um bom tempo depois, quando o animal cresceu de forma absurda e passou a andar apenas com as patas traseiras, que a família percebeu que, na verdade, o cachorro se tratava de um urso. Mais especificamente um Urso-negro-asiático.

O urso foi encaminhado para um centro de cuidados de animais silvestres. (Foto: Reprodução / Chinanews)

A tutora foi aconselhada por um zoológico a procurar o departamento de proteção florestal. Em seguida, ambientalistas examinaram o animal e, ao comprovarem que ele estava saudável e muito bem cuidado, fizeram sua transferência para o Yunnan Wildlife Protection Center, um centro de proteção de animais silvestres, onde ele receberá cuidados apropriados para um urso e depois será encaminhado para seu habitat natural ou não.

Fonte: People / Bored Panda


Notícias sobre Pets

Sobre o Autor

Escobar Dog