Tecnologia

Com ajuda de vídeo no WhatsApp, Príncipe saudita hackeou celular de Jeff Bezos, CEO da Amazon

Escrito por Paulo Carmino

Foto: Foto: AFP

O divórcio do homem mais rico do mundo, fundador e presidente da Amazon, o norte-americano Jeff Bezos, pode ter sido influenciado pelo príncipe saudita Mohammed bin Salman. As informações foram divulgadas pelo jornal britânico “The Guardian”.

Segundo o jornal, vídeos íntimos do CEO da Amazon foram divulgados devido ao acesso indevido do príncipe da Arábia Saudita. O vídeo foi um dos pilares para a separação bilionária do executivo e de sua ex-mulher, MacKenzie Bezos.

O The Guardian obteve acesso à investigação que corre em segredo e publicou informações sobre o caso. Em contato com os advogados do executivo, a informação não foi negada. No entanto, afirmou-se que Bezos está cooperando com as investigações.

Ainda segundo o jornal britânico, a embaixada da Arábia Saudita nos EUA não quis comentar o exposto.

Jeff Bezos e a Amazon

Jeff Bezos é o homem mais rico do mundo, segundo a revista Forbes. O executivo bilionário é fundador e presidente da Amazon, uma das companhias mais ricas do mundo. Bezos superou Bill gatos na lista da Forbes e continua acumulando riqueza, mesmo após sua separação bilionária.

Sobre o Autor

Paulo Carmino