Tecnologia

chipset de 7nm EUV equipará o novo Galaxy Note 10

Escrito por Paulo Carmino

A Samsung já anunciou o seu mais novo chip Exynos 9825, que chega como pioneiro com a tecnologia de processamento EUV e equipará o Galaxy Note 10

Os novos Galaxy Note 10 serão lançados hoje (07), em um evento da Samsung, em Barclays Center, a partir das 17h no horário de Brasília. Porém, se antecipando ao lançamento dos novos smartphones, a Samsung anunciou o Exynos 9825, novo processador que vai estar presente em algumas variantes do aparelho. Um dos destaques do SoC é que ele chega como o pioneiro com a tecnologia de processamento EUV de 7nm.

Mais desempenho e eficiência

O novo chipset foi apresentado como o primeiro SoC da indústria a ter a tecnologia de processamento EUV (Extreme Ultraviolet lithography, que significa “litografia ultravioleta extrema”). Na prática, segundo a Samsung, isso significa que ele vai garantir uma melhor experiência durante os jogos, com um desempenho gráfico superior, e claro, maior eficiência energética.

O Exynos 9825 também conta com o modem LTE downlink Shannon 5000 com Cat.20 e uplink Cat 1.3, capaz de oferecer uma velocidade de download de até 2Gbps. Para possuir o 5G, o smartphone deverá estar equipado com o Exynos Modem 5100. Assim como aconteceu com o Galaxy S10+, que ganhou uma variante exclusiva com modem 5G em março, o mesmo deve acontecer durante o Unpacked 2019.

A eficiência em multimídia também será aprimorada com o Exynos 9825. O novo SoC vem com uma NPU para processamento de inteligência artificial que pode ser usada para otimizar o processamento de imagens e encodar e decodificar vídeos em 8K.

Exynos 9825 x Exynos 9820

Exynos 9825 terá processamento EUV e 7nm, garantindo uma melhor eficiência e desempenho

Uma das grandes mudanças do Exynos 9825 em relação ao Exynos 9820 é a sua litografia de 7 nanômetros. Com isso, o novo chip ocupa um espaço menor e consome menos energia, garantindo uma melhor eficiência energética.

Em relação ao desempenho com os cores, não haverá muita diferença. Isso porque o Exynos 9825 conta com os mesmo M4 cores que o processador anterior. São dois M4 cores, que são os primários, assim como a Qualcomm faz com o seu Snapdragon 855, seguidos de um dual-core Cortex-A74 e quad-core Cortez-A55 para controlar o gasto de energia. A GPU é uma Mali G76MP12. Mesmo os clocks não sendo especificados, o Exynos 9825 deverá trazer números um pouco mais avançado que o Exynos 9820.

Como de costume, os novos Galaxy Note 10 receberão processadores diferentes para cada mercado. Na Europa, espera-se que o processador escolhido seja o Snapdragon 855 Plus, enquanto nos EUA, o Exynos 9825. No Brasil, ainda não foi especificado qual será o modelo.

Para acompanhar o lançamento dos novos Galaxy Note 10, a Samsung transmitirá ao vivo direto do seu site oficial e também no canal do YouTube.

Sobre o Autor

Paulo Carmino