Desenvolvimento

Belo Horizonte discute soluções para a mobilidade urbana

Entre 2002 e 2012, a frota de veículos praticamente duplicou, saltando de 1,09 para 2,45 milhões na capital mineira.

A fim de discutir propostas para a melhoria da mobilidade urbana, o jornal “Hoje em Dia” promove a 12ª edição do Seminário Meio Ambiente e Cidadania, na próximo sexta-feira (30). O evento é aberto a toda a população.

“O objetivo é a busca de soluções para um dos problemas que mais aflige a população das grandes cidades: a ineficácia dos transportes coletivos, a explosão da frota de veículos e motos, o trânsito caótico, a poluição e a degradação da qualidade de vida”, afirma Ricardo Galuppo, diretor de jornalismo do Hoje em Dia.

De acordo com a Pesquisa Origem Destino, da Secretaria de Estado Extraordinária de Gestão Metropolitana, indica que entre 2002 e 2012, enquanto a população da Grande BH cresceu 10%, chegando a 4,9 milhões de habitantes, a frota de veículos praticamente duplicou, saltando de 1,09 para 2,45 milhões. Em apenas uma década o transporte individual (30,8%) quase se equiparou ao coletivo (31,4%), saturando as ruas e avenidas, agravando a poluição do ar e aumentando a duração média diária dos deslocamentos, que saltaram de 42 para 62 minutos no transporte coletivo, e de 23 para 32 minutos no individual.

Expansão do metrô, implantação de BRTs, trens metropolitanos e ciclovias, e restrição do uso de carros. Estas são algumas das medidas defendidas pelos especialistas, engenheiros e gestores públicos para a equação do estrangulamento do trânsito. Entretanto, a efetividade dessas medidas está longe de ser alcançada e esse será o tema de reflexão e debate durante a 12ª edição do Seminário Meio Ambiente e Cidadania.

O jornalista e fundador do site Catraca Livre, Gilberto Dimenstein, é o conferencista convidado deste ano e falará sobre o tema “Cidades Sustentáveis, Criativas e Educadoras”. O evento é aberto a toda a população. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui

Seminário Meio Ambiente e Cidadania

Data: 30 de maio de 2013

Horário: 9h30 às 18h

Local: Cine Theatro Brasil Vallourec – Rua dos Carijós, 258 – Centro – Belo Horizonte – MG

Programação

09h – Credenciamento

09h30 – Abertura Oficial

10h – Mesa: (I) Mobilidade Urbana x Transporte de Massa

Sinopse: O problema da crescente (i) mobilidade urbana na raiz da degradação da qualidade de vida nas grandes cidades. O transporte público como solução e as respostas dos poderes públicos e dos especialistas.

Ramon Victor Cesar – presidente da BHTrans

Gustavo Medeiros – Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte

João Luiz da Silva Dias – Instituto Mobilidade Sustentável – Rua Viva

11h – Mesa: Modais Alternativos, Cidades Saudáveis e Limpas

Sinopse: Vantagens – e entraves – dos meios alternativos de transporte frente à (i) mobilidade urbana. Pedalando ou caminhando: a vez e o lugar dos modais alternativos no sistema de transportes.

Guilherme Tampiere – Associação dos Ciclistas Urbanos de Belo Horizonte – BH em Ciclo

Marcelo Guimarães – Laboratório ADPTSE da Escola de Arquitetura da UFMG

14h – Conferência Magna: Cidades Sustentáveis, Criativas e Educadoras

Sinopse: O papel da educação e da criatividade para a construção de cidades sustentáveis e cidadãs. Exemplos, cases e práticas que fazem a diferença e apontam caminhos para o futuro sustentável das cidades.

Gilberto Dimenstein – jornalista e fundador do Catraca Livre

16h00 – Mesa: Cidades Humanas, Públicas e Cidadãs

Sinopse: O direito à cidade como base da qualidade de vida e das estratégias de mobilidade urbana. Caminhos novos para o planejamento das cidades como espaço privilegiado de convivência e exercício da cidadania.

Leonardo Barci Castriota – Escola de Arquitetura da UFMG

Madalena Garcia – especialista em transporte e planejamento urbano – Consultora na Arcadis-logos.