Negócios

Passageira do Uber ameaça denunciar motorista por estupro, mas vídeo a desmascara

Escrito por Vinnícius Lopes

[ad_1]

Share Button

Em tempos de internet, mentiras podem se tornar verdades em apenas alguns minutos, inclusive em âmbito mundial. Quando as reclamações envolvem empresas, o impacto pode ser maior ainda, prejudicando-as tanto no financeiro, quanto moralmente.

E isso poderia ter acontecido com o Uber, se não fosse pela esperteza de um de seus motoristas. O caso aconteceu em Nova Iorque, quando uma mulher entrou em um carro à serviço do app de transporte e pediu um carregador para seu celular, que estava ficando sem bateria.

No país é comum os carros conterem carregadores, porém o motorista não o tinha e, ao negar à passageira, iniciou-se uma discussão. Ela começou a ameaçá-lo, e chegou a dizer que iria denunciá-lo por estupro e agressão. “Eu vou começar a gritar pela janela que você está estuprando-me, que você me estuprou”.

Por precaução, o motorista gravou a discussão e, antes mesmo de ser denunciado, pode provar sua inocência. A filmagem foi divulgada pelo New York Post, e mostra o surto da mulher, que chegou a mandar o homem embora de seu país. “Donald Trump vai mandar você e sua família de volta”, disse. Ele então decidiu parar o carro e pedir para a passageira sair.

Para ler a reportagem completa e assistir ao vídeo, acesse o site do jornal aqui.

 

Share Button

[ad_2]

Sobre o Autor

Vinnícius Lopes